O arroz é um cereal importante, ótima fonte de carboidrato. No Brasil o arroz branco é o mais utilizado, porém existem outros tipos como o arroz integral e o parboilizado que tem  tido seu consumo aumentado. Observe os tipos de arroz que podem fazer parte do cardápio:
Arroz Polido ou Agulha: Esse é o arroz mais comum, também chamado de arroz branco ou tradicional. Ele sofre um processo de fabricação onde sua casca é retirada diminuindo suas características nutritivas, ele é o mais barato, mais fácil de encontrar. No dia-a-dia, é usado em função da rapidez no cozimento, textura solta e paladar agradável.
Arroz integral: Esse arroz não é processado mantendo a camada externa do grão e conservando as suas principais características nutricionais, contém três vezes mais fibras do que o arroz branco. Além de ter vitaminas A, B1, B2, B6, B12 e minerais como magnésio, manganês e selênio. O integral pode ser encontrado com facilidade, mas o seu preço é maior que a versão tradicional. Ele tem aparência mais escura e consistência mais firme.
Arroz parboilizado: Este tipo de arroz possui elevado valor nutricional. Ele é processado por um método de cozimento dentro da casca, o que faz com que os nutrientes da casca passem para parte interna do grão, preservando os nutrientes e as fibras. Seu consumo vem aumentado e seu preparo é rápido.
Arroz negroO arroz negro tem sabor rústico e seu preparo deve ser al dente. Ele tem um elevado teor de ferro, contém mais proteínas e fibras em relação ao arroz integral, tem menos gordura e menor valor calórico. Contem compostos fenólicos, substâncias antioxidantes,que combatem os radicais livres, prevenindo o envelhecimento precoce, doenças crônico-degenerativas, cardiovasculares e câncer.
Arroz cateto: Conhecido como arroz japonês, têm grande quantidade de amido e sua casca e o gérmen concentram o seu valor nutricional. Após o preparo, o arroz cateto tende a ficar mais macio e cremoso.
Arroz arbóreo: É o arroz mais indicado para preparações de risotos, pois possui uma capacidade de absorver condimentos. Concentra bastante amido, conferindo consistência cremosa.
Arroz basmati ou indiano: Arroz aromático, adocicado, com seu gosto mais forte dispensando a adição de temperos durante o preparo. Tem capacidade de reter água durante o preparo sem que os grãos fiquem grudados uns nos outros. O valor nutricional é igual aos do arroz branco.
Arroz vermelho: O arroz vermelho é parcialmente polido retendo maior número de nutrientes, é rico em ferro, zinco e fibras substância que pode auxiliar na redução do nível de LDL (colesterol ruim) no sangue.
Arroz selvagem: O arroz selvagem é um tipo diferente de gramínea, cereal riquíssimo em fibras. Este grão é pobre em gorduras e rico em proteínas (lisina: aminoácido benéfico ao corpo). É também uma boa fonte de potássio, fósforo, fibras e vitaminas. Seu sabor e aroma são marcantes, lembrando o das ervas.
Arroz jasmim: Muito similar ao basmati, conhecido como um dos arrozes mais aromáticos do mundo, o arroz jasmim também é chamado de ‘thai’. Possuem os mesmo valores nutricionais que o arroz agulha.