Acusado de matar sobrinha de Leo Kret é condenado a 37 anos de prisão
Menina foi morta em 2013 | Foto: Reprodução/ Instagram
Ministério Público Estadual da Bahia (MPE-BA) condenou Laire Luiz Araújo dos Santos, conhecido como 'Lare', a 37 anos e seis meses de prisão pelo homicídio duplamente qualificado da menor Franciele Gomes dos Santos, sobrinha da ex-vereadora Leo Kret, e a tentativa de homicídio de outras cinco pessoas. O caso aconteceu em outubro de 2013 . Lare realizou disparos durante uma festa de aniversário na localidade do Alto do Cruzeiro. Franciele Gomes de Souza, de 6 anos, não resistiu aos ferimentos. Emerson Carlos Oliveira de Souza, Júlio de Jesus Nunes, Lucivânia Santos dos Santos, Joab Gonçalves dos Santos e Jackson Santos Conteiras também foram atingidos pelos disparos. O MPE-BA também condenou Assiel de Jesus Ramos a 14 anos de prisão pelo homicídio duplamente qualificado de Lucas dos Santos Lima, conhecido como 'Chapolin', puxador da torcida organizada 'Os Imbatíveis', do Vitória. O crime aconteceu em abril de 2014. Segundo a denúncia, os autores do crime pertenciam a torcida organizada Bamor.

(Fonte Bahia Notícias)